O Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam) realizou, de quarta (06/04) até esta sexta-feira (08/04), uma capacitação sobre Associativismo e Cooperativismo para produtores rurais, em Barcelos (a 399 quilômetros de Manaus). A atividade faz parte de convênio firmado com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para o fortalecimento da pesca ornamental em municípios da calha do rio Negro.

O objetivo é capacitar os pescadores ornamentais da região visando fortalecer e apoiar na regularização das organizações que trabalham especificamente com a pesca ornamental, facilitando o acesso desse público às políticas públicas. A ação contou com a participação de 32 produtores rurais e representantes de organizações.

Segundo a gerente de Apoio à Organização de Produtores do Idam, Joyce Magalhães, a capacitação dos pescadores é essencial para o desenvolvimento de um trabalho multidimensional, para que essa comunidade tenha mais expressão política, social, econômica e ambiental.

“Precisamos ter um olhar voltado às necessidades dos pescadores. Esse público necessita de apoio e amparo social. Ouvimos vários depoimentos dos participantes sobre a importância de informações direcionadas à organização social. Eles puderam vivenciar na prática como funciona o papel de cada associado dentro da organização”, destacou Joyce.

De acordo com o engenheiro de pesca e gerente de Apoio à Aquicultura e Pesca do Idam, Daniel Borges, devido à ausência de documentações necessárias e a falta de informação, produtores deixaram de participar de editais e outras políticas públicas voltadas ao setor primário.

“Hoje, o Idam está prestando assistência técnica nas atividades relacionadas à pesca ornamental e realizando diagnósticos com os pescadores ornamentais. Nossa intenção é verificar as ações necessárias para o fortalecimento da atividade, facilitar aos produtores informações necessárias para o melhor compreendimento de seus direitos”, apontou Daniel.

Estiveram presentes no evento associados e cooperados da Associação dos Indígenas de Barcelos (Asiba), pescadores da Colônia Z-33, cooperados da Cooperativa de Pescadores e Pescadoras do município de Barcelos (Ornapesca) e produtores da Associação de Horticultores de Barcelos (Ahort).